sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Novo olhar

Do lado de cá do meu novo olhar
posso contemplar a felicidade se chegar
Se instalar na minhas manhãs quentes
E me guardar no sossego do luar
Um sorriso involuntário a se mostrar
Uma estranha saudade a apertar
O novo a me amedrontar
A cena da vida como sempre
a me encantar
e as novas razões para sorrir
a surgir
sempre e em todo lugar
a me abençoar e realizar,
meus mais ludicos sonhos
de tentar ser feliz e me tornar
tudo que algum dia almejei ser.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

toda ouvidos