quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Flor de outono


Um olhar de cachorrinho abandonado
Os dentes aparelhados
Um sorriso que se faz chamar
A entrar
Num lindo lugar
O momento certo
Em que tudo faz sentido
Nasceu
Na minha mais doce sincera ilusão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

toda ouvidos