sexta-feira, 30 de abril de 2010

afeto


Então ela descobriu que podia escolher seus momentos,

talvez não pudesse ter o que queria

mas via tantas possibilidades ao seu redor que podia simplesmente

fazer qualquer escolha que quisesse e continuar...

a nascer e morrer um bocadinho do que era

todo dia.


E a cada dia tornar-se outra

mais bela, mais simpática

mais cheirosa,mais palhaça

Fazia as coisas como podia

Nao sabia o jeito certo de fazer


Sentia mais do que pensava

Pensava mais do que agia

E tinha bem menos do que queria

Mas bem mais do que esperava.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

toda ouvidos