sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

acordo


Hoje tive um sonho,

tão parecido com tudo que eu vivo,

amigos, praia,shows,encontros,desencontros,tentativas...

E essa constante tentativa de ser feliz todos os dias,

E essa doce realidade de ser feliz e continuar a sonhar,

E alimentar os sonhos,

E essa doce esperança de encontrar,

De alcançar tudo que se deseja,

E essa doce certeza de estar tão próxima ao alcance de minhas mãos

A felicidade é um como e não um porque,

É uma maneira de caminhar e se encaminhar,

À mais atraente das direções,

Quem sabe de tanto sonhar acabo por esquecer,

E deixo estar, assim como está...

A felicidade a me flertar,

E a intensidade a me conduzir.

Um comentário:

  1. "quem sabe de tanto sonhar acabo por esquecer". pode esquecer tudo, menos de sonhar. e de agradecer por esse dom (o do sonho). é pra poucos, querida! :)

    ResponderExcluir

toda ouvidos