domingo, 15 de novembro de 2009

marola

Tentei contar as estrelas mas a lua estava tão bela que dispersou minha atenção, o céu lilás me fez lembrar cheiros e imaginar palavras jamais ditas, e entre vento e marola sinto a vida pulsar nos corpos que correm pra lá e pra cá, enquanto eu fico a planejar o que fazer para me tornar tudo que desejo ser.

Um comentário:

  1. ahh ue encanto.. vc tá escrevendo cada vez mais lindamente, déa. "sinto a vida pulsar nos corpos que correm pra lá e pra cá" vc é um desses. que pulsa.. e inspira!

    ResponderExcluir

toda ouvidos